sexta-feira, janeiro 14, 2011

Em trânsito...

E com tanta correria na minha vida, e tantas incertezas diárias, eis que assisti ao show-zão da Amy em terras nordestinas. Pois é... Não posso mais planejar nada com muita antecedência, porque sempre surge um ou outro compromisso de trabalho, mudando tudo de lugar. O ingresso do dia 11, foi muito bem aproveitado pela minha grande amiga B, e vamos trocar figurinhas mais tarde, no chopp de aniversário da J.

Sou mega suspeita para comentar sobre esse show, porque adoro a voz daquela mulher, e mesmo com apenas 1h e 20 minutinhos no palco, com direito a tombo da dita cuja, e com toda aquela multidão me empurrando, fiquei extasiada. Para completar a noite, em pleno front stage, reencontrei o D, um amigo daqueles que não vejo há 15 longos anos e os olhos disseram mais do que qualquer palavra que poderia ser dita naquele momento. Não tenho como descrever o que foi aquilo até agora.... Ô noite especial............

E neste exato instante, em pleno aeroporto, me preparando psicologicamente para enfrentar tudo o que está acontecendo na minha terra - diante de tanta tragédia, e de tanta catástrofe nas cidades que passei férias maravilhosas na minha adolescência e reveillons espetaculares com os amores da minha vida - me deparo com um idiota que se comporta como se ele fosse o único ser do planeta que precisa de atenção.

Meu deusoooo, dai-me sabedoria para não mandá-lo pra Austrália...

Não entendo nada de signos, mas comentaram comigo agorinha mesmo, que para manter qualquer laço com um leonino tem que se ter muito sangue de barata e fazer todas as suas vontades [convenhamos, sangue de barata eu não tenho, e as vontades dos outros eu até faço, desde que eu esteja com muito mais vontade - o que não é o caso...risos].

Desculpem-me as leoninas que passam por aqui e que eu amo de paixão, mas não tenho paciência com leonino que precisa de "provas" para tudo e mais um pouco, ou faz biquinho como uma menininha, batendo o pé e desligando o telefone sem sequer ouvir o que é necessário. Nunca precisei 'provar' nada nem pros meus pais quando dependia deles financeiramente, quanto mais pra um muquirana que se acha alguma coisa na minha vida e não é, nem nunca foi. AFF.....

[Detalhe: o mocinho tem 35 anos......... e claro, está solteiro até hoje, tamanha sua insegurança e infantilidade. Alguma corajosa, com muita paciência e sabedoria para encará-lo, se habilita?? Ele não tem pacote com ex-mulheres e filhos, mas o pacote emocional é pesado - bem pesado..... Apresento às interessadas com todo o prazer... risos].

Estou voltando pra casa com um sorriso largo no rosto, pela noite especial que tive em Recife, e ao mesmo tempo, com um friozinho na barriga por saber que vários amigos meus não estão bem devido a tudo que perderam na região serrana. Já chorei muito na 4a feira, ontem e hoje por causa de tudo isso.

Bom final de semana a todos e aproveitem da melhor forma, sem perder tempo, porque a vida passa voando, e nem sempre as oportunidades voltam... Sejam felizes sempre !!

12 comentários:

Cibele disse...

Labelle, você deveria escrever mais, porque até seus desabafos são fofos e nos envolvem. Toda essa tragédia aí no Rio é assustadora! Não consigo assistir aos jornais sem me emocionar. Aqui em Minas tudo está embaixo d'agua também. Triste demais. Com relação ao mocinho problemático, eu passo. Apesar dos meus 36, e de só encontrar disponibilidade nos homens com kit (ex e filhos) eu não tolero quem não confia em mim. Pra mim, quem näo confia e pede provas de tudo, esconde o jogo e tem culpa no cartório. Em geral, os que näo confiam nos outros, não são confiáveis. Näo demore muito, La! Você faz falta nas minhas leituras diárias. Cibele.

Lobo disse...

Fala sério. Vocês sempre conseguem uma desculpa quando algo não sai como o esperado. Será que é só esse pobre coitado de 35 anos que é o culpado? Ou eventualmente esse não é um problema dos dois? Eu particularmente acredito que cada um, você e ele, cada um a sua forma, possuem culpa por tudo isso que está acontecendo. Se tem uma coisa que aprendi é que em certos casos é mais fácil colocar a culpa no outro e esquecer as nossas. Não sei teu sígno, mas tenho certeza que esse motivo nada tem haver com o teu problema. Em certos casos, quando queremos muito uma coisa, nem sígno nem religião, nem mesmo times de futebol conseguem nos impedir. Faz o seguinte, não manda o cara para a Austália, pensa um pouquinho em tudo que está acontecendo, reflete você separadamente, depois ele e por último os dois, para então tirar uma boa conclusão.

Beijão.

Labelle® Paz disse...

Cibele, seja bem vinda! Obrigada pelo comentário. Se tem uma coisa que me soa muito mal também, é alguém pedir para eu provar alguma coisa. Eu hein... Falta de confiança sem mais nem menos, não tem o menor sentido...

Lobo, Lobo... Pior é que estou falando sério.... risos. A sua teoria até tem fundamento, só que é muito difícil um raio cair 2x no mesmo lugar. E eu sou teimosa demais pra dar meu braço a torcer se não me convencerem que estou realmente errada. Sei não...

Ricardo disse...

Faço das suas as minhas palavras. Também estava nesse show e valeu cada centavo. Quando vier para cá, me avise. Mandarei meu email.

Cecilia disse...

Conheci seu blog há um certo tempo, mas nunca me senti à vontade para comentar. Não sei bem o por quê, mas meu peito encheu de coragem porque esse texto me fez sentir minha vida.
Me apaixonei por um homem assim, e sofri muito, muito, muito. Ele me humilhava verbalmente, não acreditava em nada do que eu dizia, e para piorar, nosso relacionamento era à distância. Emagreci 20kg, e caí em depressão. Minha auto-estima acabou, e hoje em dia, não consigo me envolver com ninguém.
No meio do relacionamento, tirei uma folga, peguei um vôo e fui ao encontro dele sem marcar nada. Quando cheguei ao endereço que eu tinha, a casa era da irmã dele, que sequer sabia que eu existia, e quando perguntei sobre ele, fui informada à queima roupa, que ele estava em casa, cuidando dos filhos (eram 4 segundo ela), enquanto a mulher dele trabalhava.
Acreditem! Isso não é novela. Aconteceu comigo há 3 anos e não recomendo a ninguém. Nem de brincadeira.

Ministério da saúde disse...

Olá Blogueiro,

As enchentes fizeram centenas de vítimas nos últimos dias. Para impedir que a situação se agrave é preciso que os sobreviventes saibam como lidar com esta realidade e tomar as medidas de prevenção necessárias para evitar doenças graves. E você, blogueiro, pode ser nosso parceiro nessa divulgação e nos ajudar a salvar vidas. Caso queira participar desta ação, entre em contato com ocomunicacao@saude.gov.br que enviaremos o material necessário.

Maria Valéria disse...

me ensina a trancar o blog só pra convidados?? sei que devo pôr os convidados numa lista do blogger, ok, mas daí como faço?? pelo URL de cada um que quero??? ou pela conta do google???
sinceramente, quero trancar por N motivos- já tenho seguidores suficientes- não preciso de publico, bastam as pessoas queridas que já seguem e gostam do que escrevo... entres outras coisas... me explica como fazer?? bj querida!!

Maria Valéria disse...

aiiiii só agora li seu comentario sobre leoninos... doeu, viu??? kkk
sobre ' pacote emocional pesado'... sinceramente, não me interessa conhecer essa pessoa não... de estressada já basta eu... rsrsr!! quer me matar com alguem mais problematico do que eu ainda??? rsrsr
a relação que dá certo comigo é assim: tem que ser uma pessoa beeemmm desencanada, bem zen... daí equilibra a balança... kkk
( acredite: assim funciona... rsrsr).... bjs

verbosesentimentos disse...

Labelle, achei teu blog procurando assuntos a respeito das mulheres de 30 e eis que adorei seus textos. Também tenho um blog onde escrevo sobre tudo um pouco e te convido para conhece-lo. http://verbosesentimentos.blogspot.com .
Com certeza passarei mais por aqui.
abraços
Lê Luna

Dico disse...

Dona Labelle,

Volta pra Recife (logo!). Aquela noite foi especial de verdade. Fora o show que considero histórico. Tô te esperando, pintada, ou vou aportar em terras cariocas em breve só pra te ver.

Sonhos De Deus disse...

nossa alegria supera nossa tristeza, nosso consolo supera nossa dor, nossa fé supera nossa dúvida, nossa esperança supera nosso desespero, nosso entusiasmo supera nosso desânimo, nosso sucesso supera nosso fracasso, nossa coragem supera nosso medo, nossa força supera nossa fraqueza, nossa perseverança supera nossa inconstância, nossa paz supera nossa guerra, nossa luz supera nossa escuridão, nossa voz supera nosso silêncio, nossa paciência supera nossa impaciência, nosso descanso supera nosso cansaço, nosso conhecimento supera nossa ignorância, nossa sabedoria supera nossa tolice, nossa vitória supera nossa derrota, nossa ação supera nosso tédio, nosso ganho supera nossa perda, nossa resistência supera nossa fragilidade, nosso sorriso supera nosso choro, nossa gratidão supera nossa ingradidão, nossa riqueza supera nossa pobreza, nosso sonho supera nossa realidade... Nosso amor a Deus, ao próximo, à vida, nos faz superar tudo! (Pr. Edilson Ram)Uma semana de vitórias Deus é com tigo creia! TENHO UM BLOG GOSTARIA DE TI CONVIDAR SEGUIR O ENDEREÇO É:http://SNSDEUS.BLOGSPOTFICA COM NOSSO PAPAI já estou te seguindo te encontrei através de uma amiga,post teu comentario vai ser uma benção prs seguidores e visitantes uma semana com muita sorte de benção!!!

Como o dia é sempre lindo!!! disse...

As mulheres com mais de trinta, pensam, basicamente igual. Gosto do jeito que conta suas histórias, e espero poder passa por aqui sempre e encontrar novos desabafos envolventes. Abraços. Elizabeth
Blog: Desabafos de uma mulher com mas de 30.